A importancia de ir ao ginecologista

Parte dos órgãos femininos são para dentro (internos) e para conseguir examiná-los, a mulher precisa ir periodicamente ao ginecologista (médico que cuida da saúde da mulher), não importando se está doente ou não. Muitas sentem vergonha e medo de ir à consulta ginecológica, mas as consultas periódicas ajudam a cuidar da saúde e a prevenir doenças.
Fazendo o exame ginecológico e o papanicolau 1 vez por ano, a mulher previne o câncer de colo de útero. A consulta ginecológica também ajuda a prevenir, descobrir e tratar as doenças sexualmente transmissíveis.
Muitas vezes uma mulher pode estar com uma DST e não saber, ou porque os sintomas não são visíveis ou porque não são fáceis de se perceber. Quando a mulher descobre que está com uma DST, ela deve comunicar ao parceiro que também pode estar contaminado, mesmo que nenhum dos dois apresente sinais ou sintomas. Assim, ambos devem iniciar o tratamento, garantindo a saúde dos dois.
As garotas devem o quanto antes procurar um médico ginecologista para fazer sua primeira consulta. Com ele(a) você pode tirar todas suas dúvidas – por exemplo quando está preocupada porque a menstruação está atrasada. Antes da primeira relação sexual, você deve também consultar seu médic ginecologista. No caso de relacionamento sexual regular, o intervalo para a visita deve ser de um ano, e quando você toma a pílula a cada seis meses. As visitas ao ginecologista estão sob sigilo profissional mesmo no caso de garotas menores de idade.

Visite  o médico se apresentar os seguintes sintomas:
• Coceira, corrimento ou cheiro forte na vagina, ânus;
• Feridas ou verrugas na vagina, ânus ;
• Dor para urinar;
• Dores no abdômen;
• Dores fortes durante a relação sexual;
• Dores fortes durante a menstruação;
• Inflamação e inchaço nos órgãos genitais
• A menstruação durar mais do que sete dias ou menos do que dois;
• A menstruação ocorrer com intervalos menores do que um mês;
• Uma perda de sangue extremamente elevada;
• Menstruação atrasada;
• No caso de até 15 anos de idade ainda não surgir nenhum sintoma da puberdade;
• No caso de outras reclamações físicas, que afetem o bem-estar.

No caso de você sentir algum dos sintomas acima, não adianta ir até a farmácia. Somente o médico é o profissional capacitado para ajudá-la e receitar a medicação correta.
Embora você ainda não seja maior de idade, o seu bem-estar físico e espiritual, a sua saúde e, portanto, o seu futuro já estão sob sua responsabilidade. É muito importante que você cuide de si mesma com bastante atenção.

 

Fonte: http://ingridguita.blogspot.com.br/2008/05/importancia-de-ir-ao-ginecologista.html